por: João Baptista Herkenhoff

Supremacia do ser sobre o ter

Comentários
Precisa estar logado para fazer comentários.